sexta-feira, 11 de maio de 2012

Cultura skinhead, anti-racismo, anti-fascismo, música jamaicana e Oi!

Antes de mais nada, queria deixar bem claro que esse blogger esta sendo publicado para resgatar e apresentar a autenticidade do movimento,dissociando-o da escala neonazi e vinculando-o àquilo que tradicionalmente representou:a juventude operária britânica e de todo o mundo agora, tão desassistida quanto as marginalizadas comunidades de imigrantes de outras raças e nacionalidades. É preciso conscientizar o maior número de pessoas possível, para não se repitam as circustâncias propícias à volta do obscurantismo e do genocídio. É preciso também desarmar os espíritos, para que as pessoas possam encarar a vida pelo lado lúdico, escolhendo livremente seu estilo de comportamento e suas preferências musicais e esportivas. A razão desse blogger com texto publicado por eu e informações de sites e livros: Informar a quem se preocupa com as questões sociais pertinentes à músicas, e sobretudo informar aos próprios skins sobre suas raízes.


Esse blogger não é nada pessoal contra ninguem.Apenas uma forma de ajudar os interessados ou simpatizantes pela cena dê... informar tudo que é dado como importante, no sentido POSITIVO e NEGATIVO da cultura skinhead!

E SE VOCÊ NÃO GOSTAR...PANCIÊNCIA, REFLITA SUAS IDÉIAS!!


Lembrando...ANTI-RACISMO NÃO É O COMEÇO E FINAL DAS NOSSAS BATALHAS, LOGO DEPOIS DELE, VEM UM INTERVALOS E AÇÃO PARA OUTRAS BUSCAS, onde exista um convivio social onde impere a justica, a liberdade e a paz!Eu não quero mudar o mundo com esse blogger, porque eu sei que se trata de um meio "impossivel".

CADA UM FAZENDO SUA PARTE COMO PODE JA AJUDA BASTANTE, PENSE NISSO!

OS SKINHEADS TÊM UM AMPLO ESPECTRO DE OPINIÕES POLÍTICA, ESTILOS DE VESTIR E PREFÊNCIAS MUSICAIS.
█████████████████████████████████████████████


O SHARP ( sigla da organização ) SKINHEADS AGAINST RACIAL PREJUDICE: É uma organização anti-racista, fundada nos EUA no final dos anos 80. Tinha seu maior trunfo no fato de não ser um movimento político. Seu único objectivo é de informar a opinião pública sobre a verdadeira cultura skinhead.
O movimento SHARP foi criado em 1987 em Nova Iorque para combater os skinheads neo-nazis, o fascismo e os políticos da extrema-direita e a ideia negativa que se criou da cultura skinhead, bem como restaurar e preservar a sua cultura clássica. Estão presentes em todos os países onde existe atividade dos skinheads neo-nazis. A finais de 1993 como conseqüência de um incidente provocado por supostos membros da S.H.A.R.P., cria-se em Nova York o R.A.S.H. (Red & Anarchist Skin Heads) formada por skinheads anarquistas e comunistas, renunciando ao apoliticismo da S.H.A.R.P.

Roddy Moreno, vocalista da banda inglesa The Oppressed, conheceu a idéia ao visitar Nova Iorque em 1988 divulgando-a e incentivando a criação de secções na Europa.

||ENTREVISTA COM RODDY MORENO, VOCALISTA DA BANDA THE OPPRESSED.||

''Se você não é homem suficente para se levantar e defender suas raízes, talvez está na hora de deixar seu cabelo crescer e pendurar seus boots. Skinhead Times Forever!''



1 – Qual foi a motivação para tocar como The Oppressed?

Roddy: Primeiro foi por diversão, pois na época em Cardiff em festas para nosso público, pois não havia nada de política e nada de Nazis em nosso terrritório.

2- O que fez Oppressed na cena Skinhead no mundo inteiro? Qual o efeito?

Roddy: Primeiro era mostrar que deveriam combater o fascismo. Que derrotar o fascismo era algo bom. Os fascistas são um insulto para o Skinhead, derrota-los era o caminho do Skinhead.

3 – Porque tocar Oi! ?

Roddy: Nós somos Skinheads e o Oi! É perfeito para os outros. Musicalmente fácil de interpretar e é música para a classe trabalhadora. ‘’FODA-SE o disco, rap e música pop’’. Oi! É sobre a nossa vida.

Oi! = A WORKING CLASS PROTEST,NOTHING MORE,NOTHING LESS. (Protesto da classe trabalhadora, nada mais, nada meno).

4 – Inicialmente, quais as influências?

Roddy: Sham 69, Cockney Rejects, música para Bootboys de verdade.

5 – Qual música que caracteriza a banda?

Roddy: Temos Work Together. É nossa primeira canção sobre a união racial. Posso dizer também The A-F-A Song(A canção de Ação Antifascista). Outras como Joe Hawkins, Ultraviolence são músicas bacanas, agora, músicas como Fuck Fascism(foda o fascismo), e Sleeping With The Enemy( Dormindo com o inimigo), são canções que representam o que pensamos.

6 – O que pensa sobre dizer sobre, Skinhead politicamente incorreto?

Roddy: Skinhead é uma coisa diferente para gente diferente. Penso que é seguir fielmente o espírito de 69. As políticas são uma merda, é assim que os fascistas querem que pensamos, para trazer políticas racistas ao nosso movimento.

7 – O que mudou no Oppressed musicalmente durante estes anos?

Roddy: Seguimos sendo uma banda Oi! Básica, sabemos agora usar um estúdio. Agora temos Floyd na guitarra solo para dar um pouco mais de força ao nosso som.(Escute The A-F-A song).

8 – O que pensa sobre a nova cena Oi! E Skinhead pelo mundo?

Roddy: A cena mundial vai bem. Muitos Skinheads contra o racismo e os Boneheads estão morrendo. Mas temos que seguir lutando para manter fora esse lixo.

9 – Tens escutado novas bandas Oi!? Se sim, quais?


Roddy: Eu gosto de United Front(Escócia) e Runnin’Riot(Irlanda), mas realmente eu escuto Reggae e Soul dos anos 60.

10 – O que tem feito o Oppressed nos últimos anos?


Roddy: Nos últimos anos, não fizemos nada, mas agora estamos de volta para mais gigs e talvez gravar algo novo.

11 – O que pretendem para o futuro? Planjeam gravar algo novo?

Roddy: Agora estamos trabalhando e criando nossas famílias, mas continuaremos para fazer algo para nossos garotos.

12 – Algum dia irão vir a América Latina? O que pensam da cena colombiana e latina americana? Há algo que queiram dizer aos skins, punks e rudes da América Latina?

Roddy: Nos encantaria tocar na Colômbia, mas é um longo caminho desde Cardiff. Para os amigos da América do Sul, Stay SHARP and FUCK FASCISM! (Seja SHARP e foda o fascismo).

13 - O que podem falar sobre a canção Skinhead Times? Qual foi a influência?

Roddy: É sobre idiotas que estão com medo de assumir uma posição. Há muitos que se chamam de Skinheads e temem os fascistas e nada fazem. Nós dizemos, VÃO SE FODER SEUS COVARDES. Lutem como os outros ou vão para o inferno.

14 – Por último, algo que queira dizer?

Roddy: Finalmente digo, FODA O FASCISMO ANTES QUE ELE FODA VOCÊ. Não ignore as ameaças fascistas, esmague todas as formas como puder. Sendo orgulhoso, sendo forte e SER SHARP.

Skinheads Against Racial Prjudice(Skinheads contra o racismo) ... Tão simples como isso.

Retirado do Site www.theoppressed.co.uk

OS SKINHEADS TÊM UM AMPLO ESPECTRO DE OPINIÕES POLÍTICA, ESTILOS DE VESTIR E PREFÊNCIAS MUSICAIS.
Eu acredito que o racismo é apenas uma dentre outras causa que devemos defender.

█████████████████████████████████████████████

Manifestação do SHARP (Skins Contra o Preconceito Racial) e contra o capitalismo.

█████████████████████████████████████████████

Colocamos aqui certas perguntas que muitos devem fazer a si mesmo, tantos os que participam e que procuram se informar sobre a cultura skin e para os que não participam, que é o principal projeto desse blogger: Quebrar esse preconceito sobre o movimento skinhead e passar a informação para os que querem algo e não ser mais um arrogante julgando o que não sabe.


1.O que é o movimento skinhead?
Mais do que um movimento político, o skinhead é um movimento cultural fortemente baseado no estilo de vida e em valores tradicionais da classe trabalhadora, como a solidariedade classista, o apego ao futebol e à atmosfera dos bares, botecos e pubs. A essa cultura operária, misturam-se elementos da cultura negra, como o gosto musical pelo soul, pelo ska e pelo reggae. Sendo um movimento basicamente, mas não exclusivamente, juvenil, muitos skinhead também apreciam o punk rock, principalmente a chamada Oi! music (versão do punk rock mais cadenciada, mais “rueira”, com coros fortes e melodias simples, no estilo “unidos, venceremos”, como se fossem versões em punk rock de hinos de torcida de futebol). A maneira de se vestir skinhead também retoma o estilo clássico operário: botinas, suspensórios, boinas, jeans e cabelo curto.

2. O movimento skinhead é racista?
Não. O movimento skinhead é multi-racial (melhor seria dizer multi-étnico, já que nem a Biologia, nem a Antropologia aceitam mais a divisão da humanidade em raças, mas apenas em etnias). Hoje, existem skinheads brancos, negros, latino-americanos, judeus, orientais, árabes etc. Esse caráter de fusão racial (ou étnica) vem desde as origens do movimento, na década de 1960, na Inglaterra, sendo então resultado inicial da mistura entre a cultura juvenil operária branca e a cultura juvenil negra inglesa desse período.

3. Por que se ouve tanto falar do movimento skinhead como um movimento racista?
Porque nas décadas de 1970 e 1980, partes dos skinheads europeus abandonaram as origens multi-raciais do movimento e começaram a defender idéias racistas, além de se envolverem com partidos políticos que defendiam o nacionalismo extremado, o racismo e até o nazismo. Nesse período, o desemprego era alto e os partidos racistas, nacionalistas e nazistas culpavam os estrangeiros, alegando que eles “roubavam os empregos dos verdadeiros europeus”. Na verdade, o desemprego foi causado pelas reformas implantadas pelos governos direitistas europeus. Os imigrantes não tinham culpa alguma e também sofreram com a crise. Eles apenas foram usados como bodes-espiatórios. Uma parte dos skinheads, por medo do desemprego e por incapacidade política ou intelectual, aceitou a mentira dos partidos racistas, nacionalistas extremados e nazistas, tornando-se também racistas, nacionalistas extremados e nazistas. Em 1960 a maioria dos skins eram tradicionais, sem se envolverem com algum tipo de política. Com o passar do tempo, em 1984 o movimento skinhead já estava de tal modo politizado. Nada mais, nada menos as divergências políticas podiam servir de pretexto para o racha, mas o NF estava mesmo era mais que contente em ter aquelas bandas do WNR ( White Noise Records ) Gravadora para divulgar idéias neonazistas fundada por eles, enquanto elas davam lucro aos cofres do partido, fosse ou não nazistas. Com tantos movimentos políticos, em 1984 já estava um grande rolo entre os skins, Punks, direita ou esquerda. Os punks julgavam os skins das tretas que rolavam, e os skins falavam que não eram eles, mas sim os Punks Carecas. Apartir desses acontecimentos, explode as batalhas ideológicas. O movimento racista. A filosofia deles é que se você se orgulha de ser da raça branca, merece atenção e respeito. Desde que se declarem anticomunistas e fiquem em seu próprio país, até os latinos são vistos como aliados sem maior problema. National Front Os skins eram maior foco de recrutamento de militantes para o NF. Enquanto a mídia e outras políticas da sociedade criticavam os skins pelos seus atos de hooliganismo no futebol e outros passatempos. A Ala Jovem ( Yong National Front ) vangloriavam os atos dos skins como se fossem heróis, exemplos a serem seguidos. Ali estava um partido que não falava para você, mas sim de você, e não olhava você de cima para baixo, mas te tratava como se você fosse a elite da juventude britânica Logo após todas essas atitudes e partidos. Os skinheads logo foram visto pelo público como "soldados" do National Front. Por final os skins achavam que finalmente acharam alguém ou um partido que os apoiavam e lhe achavam guerreiros, mas na verdade o partido de extrema direita - NF apenas os usavam como recruta de uma grande manipulação, tomando o lugar do partido liberal. Pense um pouco!
Se todos odiassem você e seus amigos, só pelo seu estilo de comportamento e suas preferências musicais, etc. E vocês fossem por uma grande parte apenas garotos querendo se divertir e curti sua vida sem regras de opressão, vindo de uma família de classe operária e sem facilidades de estudos como hoje, e aparecesse partidos com um monte de proposta de trabalhos, te iludindo colocando um monte de coisas em sua mente, fazendo você acreditar que apartir dali vocês iriam ser alguém, e iam ser reconhecidos pelo mundo todo... O QUE VOCÊ FARIA?!
É como aconteceu. Os mais sábios com estudos e com algo na cabeça além de só diversão, negaram totalmente os partidos, deixando bem claro que ser SKINHEAD era só um estilo de vida e que não existia e nem metiam o tema RACISMO no meio deles, muitos abandonaram até mesmo a cena vendo que estava cada vez sendo mais diluída por propostas racistas, homofóbicas e xenófobas e mentirosas. Já muitos, com outros motivos e também pela opressão colocada pela sociedade caíram como se fossem patinhos nessa de PARTIDOS EXTREMA DIREITA, COMO FOI FEITO PELO NF, E ATÉ HOJE SOMO TAXANDOS COMO A ESCÓRIA ( WHITE POWER ) FDP!

MUITOS SIM SE RENDERAM AO NAZI-FASCISMO NO PASSADO E CONTINUAM ATÉ HOJE ESSA GRANDE ILUSÃO. APARTI DE ENTÃO NÃO SÃO CONSIDERADOS COMO SKINHEADS, MAS SIM ( WHITE POWER ) MAS A MAIORIA DOS SKINHEAD CONTINUAM A LUTA, E SOMOS LITERALMENTE ANTI-RACISMO!!! Eles usavam o termo para a sociedade. ‘O INSULTO É UMA GRANDE ARMA PARA OS INSULTADOS’ QUANTO MAIS NOS DIFAMAREM MAIS NOS APROXIMAREMOS UNS DOS OUTROS.

█████████████████████████████████████████████

O skinhead antes de tudo, uma tribo, ou seja, um segmento da juventude e da sociedade cuja característica básica é um gênero musical. Há gêneros efêmeros que duram tanto quanto a moda da estação (de rádio), e outros que acompanham toda uma geração. O skinhead é talvez o mais duradoudo, anterior ao hippy, ao havy metal, ao punk, ao funk, ao rap e ao próprio reggae, com o qual conviveu com sua origem. Só é caçula em relação ao rockbilly e, naturalmente ao blues. Confundir, ou tentar confundir o skinhead com alguns desdobramentos políticos ou policiais de natureza episódica ou cíclica, tais como atos de vandalismo, terrorismo ou racismo, é falsear a realidade histórica e atiçar a intolerância. Seria mesmo que tachar todos favelados de bandidos, todos policiais de assassino, todos militares de golpista, todos os empresários de sonegadores, todos os políticos de corruptos e todos governante de culpados, só porque tem alguns merecem os respectivos rótulo. Por esse caminho, não se salvaria ninguém. Generalização são sinônimo de desinformação e o adubo do preconceito. Skinhead autentico mantêm seu brio e sua tradição, baseada nos valores da classe operaria ou seja, visual durão, estóico e orgulhoso ( como cabelo raspado, a bota, a tatuagem), a paixão pelo esporte do povão (como o futebol e o boxe), e pela musica de rua, de gueto ou de garagem (como o reggae e o rock punk e Oi!).



O movimento skin mergiu, por tanto, do Mod enturmado na rua, do Boot Boy na arquibancada e do Rude Boy na pista de dança.
Devido ao sucesso da Inglaterra no mundial de futebol de 1966, muitos jovens começaram a ir aos estádios. Logo nasceram as torcidas e explodiu a violência entre elas. Nas aquibancadas viam-se cabeças raspadas brancas e negras juntas, pois os skinheads participaram do nascimento dos HOOLIGANS.




Chaos - 4-skins

Trouble east london Trouble in the street
On the street corners
Where the gang still meets
Talking about the weekend
What they're gonna do?
If you aint careful
They are gonna do you!



"Sob nossas pegadas
Todas as calçadas
viram o East-end
com o solado impresso
no pavimento de 69
nossa cultura resiste
ante à nebulosos modismos
na penumbra dos Casinos- club,
Backstreets e Dancehalls
sempre dispostos à um "quebra"
cabeças de camurça o esperam
para te botar para correr....
cerveja, reggae arcaico
e lambretas é o nosso lema!
Somos os skinheads
sua maior encrenca!"

█████████████████████████████████████████████

sábado, 28 de abril de 2012

Um pouco mais sobre a Cultura Skinhead

Árvore Genealógica


MOD - 1962 a 67
Na metade da década de 1960 o modernismo acabou trombando com o movimento do Flower Power e sofrendo com o impacto. A maioria aderiu a psicodelia, mas os modernistas mais tradicionais rejeitaram essa nova onda se tornando ainda mais durões.

RUDEBOY - 1960 - 70
Um cult importado da Jamaica que foi favorecido pelas jovens classes trabalhadoras. Foi amigo e aliado do MOD para o início dos SKINHEADS.

SKINHEADS - 1967 - 71
Mais uma contra-cultura do que uma cultura. Eles foram resultado direto dos MODS que odiavam os Hippies. Os primeiros skinheads eram ex-membros de gangues mods. Durante a explosão do reggae entre 1969 - 70, os skinheads roubaram vários elementos dos rudeboys.

SUEDEHEAD - 1970 - 73
Depois de alguns anos, alguns skinheads tornaram-se 'vigaristas', deixando o cabelo crescer alguns centímentros e o repartindo ao meio. Usavam as vestimentas também ao dia, ao invés de só as usarem à noite. Eram as mesmas crias, porém com mais estilo.


SMOOTHIE - 1971 - 74

Um ano depois dos suede, o cabelo ficou mais longo, as calças se alargaram nas barras no estilo dos anos 1970. Os ganchos mais importante do reggae, da cerveja e do futebol foram mantidos. As garotas eram chamadas SORTS.

BOOTBOY 1972 - 77
Era a versão urbana dos Suede/Smooth. Foi nas pequenas cidades que o movimento sobreviveu com dificuldade na década de 1970, levado a diante pelos BOOTBOYS.

REVIVAL SKINHEAD 1977 - 78
Com o nascimento do punk rock, o movimento skinhead revivalista começou. Eles são os pais dos skinheads modernos.

TRADITIONAL SKINHEAD 1978 - dias de hoje
Por mais que alguns tenham seguido o estilo das bandas como o Sham 69, alguns skins decidiram ressuscitar exatamente o que seus predecessores estavam fazendo na década de 1960. Estes eram os puristas, que se identificavam mais com o Two-Tone do que com o Punk Rock.

OI SKIN - 1980 - dias de hoje
Depois da queda da cena punk original, um novo estilo musical foi feito para os skins, e então o movimento OI nasceu. Contrariamente à opinião popular, o OI nada tem com o nazismo e o racismo.

REDSKINS 1978 (?) - dias de hoje
Por mais que tenham nobres intenções, se trata de um movimento político. E política nada tem a ver com o movimento skinhead.

NAZI SKIN 1978 - dias de hoje
No final da década de 1970 os políticos encontraram a juventude britânica. Infelizmente, skins menos inteligentes foram os recrutas perfeitos para políticas de ódio. A partir daí começa a pior parte da história dos skins.

AMERICAN TRADITIONAL SKIN - 1982 (?) - dias de hoje
Assim como os britânicos, os trad-skins norte americanos seguem os verdadeiros passos dos Skinheads.

AMERICAN PUNK SKIN - 1978 - dias de hoje
Ao mesmo tempo que são skinheads são punks carecas. Pelo menos não são nazistas. Eles são fãs de hard-core e podem ser encontrados em shows de punk rock.

AMERICAN NAZI SKIN - 1983 - dias de hoje
Como se pode ver, os nazistas carregam pouca ou nenhuma semelhança com os skinheads no sentido real da palavra. Geralmente, sabem nada ou muito pouco de seu passado e não passam de uns racistas carecas, metidos a fortão e caipiras.

Mais informações de todos essas "fases", acesse o site: http://skinheadculture.blogspot.com.br

█████████████████████████████████████████████

Queria agradecer essa galera aí! Mandaram muito bem no video, falando melhor sobre cultura skinhead & skinhed reggae.





█████████████████████████████████████████████

Rock Contra o Racismo - Rock Against Racism (RAR)

Rock Against Racism (RAR) foi criado em 1976 por Red Saunders (fotógrafo britânico), Huddle Roger e outros. Foi uma resposta a declarações racistas supostamente feitas por David Bowie e Eric Clapton em Londres.
Durante um show, Eric Clapton fez um “discurso” em apoio ao conservador Enoch Powell, dizendo para que os britânicos votassem em Powell, com a finalidade de evitar que a Grã-Bretanha se tornasse uma colônia negra. Em seguida ele gritou varias vezes o slogan do National Front, “Keep Britain White!”.
Nada mal para quem teve seu primeiro sucesso fazendo um cover de uma musica de Bob Marley.
Já David Bowie disse em entrevistas a NME (New Musical Express – Revista de música londrina) e á uma revista sueca, que a Grã-Bretanha estaria preparada para um líder fascista, e que o fascismo é o nacionalismo; também disse gostaria que uma frente de direita viesse para varrer as sujeiras dos pés britânicos, em outras palavras, ele se referiu a negros, e imigrantes.
Em 1978 a RAR organizou dois grandes festivais com auxilio da Liga Anti-Nazi (criada por trabalhadores em 1977); 80 mil pessoas andaram nove quilômetros para o show ao ar livre que contou com as bandas: Steel Pulse, The Clash, X-Ray Spex, The Ruts, Buzzcocks, Generation X e Sham 69.
No Carnaval do Norte, em Manchester, 25 mil pessoas participaram para ver as bandas Buzzcocks, Graham Parker, e Misty in Roots. Em 1979 houve um show em Londres com The Vapors, Crisis e Beggar.


LMHR - http://www.lovemusichateracism.com/
RAR - http://www.rockagainstracism.org/

As vozes pedem mudanças, ANTI-NAZIFASCISMOS JÁ!!


Antifascismo não é sinônimo de comunismo ou anarquismo. É uma postura contra os intolerantes e não assumir uma tendência política. É lógico que você ser contra um regime totalitário como o fascismo é uma reação política, mas isso está longe de me tornar uma anarquista. Por exemplo, eu posso me denominar antifa sem ser anarcho-punk ou redpunk. O antifascismo é a reação atual pras sujeiras que entraram nas subculturas, a política propriamente dita dentro delas já é outra coisa. Vivemos política, pesamentos reais são política, só que eu não sou ambiguo porque preso pela minha cultura.


A ARMA MAIS FORTE É A CONSCIENTIZAÇÃO!!!

video
||Protesto antifa||

DEIXAR BEM CLARO QUE O NAZIFASCISMO É BEM MAIS PODRE E IGNORANTE DO QUE PENSAMOS...
E QUE A GRANDE MASSA COLABORADORA DESSE PRECONCEITO SÃO AS PESSOAS, A POPULAÇÃO DADAS COMO "NORMAIS" PERANTE A SOCIEDADE.
ELES SÃO OS VERDADEIROS RACISTAS CAMUFLADOS PELA SOCIEDADE, FIQUE LIGADO!!

E PARA OS QUE SÓ SABEM CORRER ATRAS DOS BONEHEADS FDP PELAS RUAS. FAÇA UM FAVOR, LUTE E CERTIFIQUE-SE QUE NÃO À UM DELES DENTRO DE SUAS CASAS.
ISSO NÃO É UM MATA-MATA ENTRE PESSOAS, APENAS UMA CONSCIENTIZAÇÃO DE QUE ELE PODE ESTAR DENTRO DE UM VOVÔZINHO DE BENGALAS, UM PLAYZINHO QUE SÓ ANDA DE CARRO E QUE VIVE NOS BAIRROS NOBRES, A UM CABEÇA OCA BONEHEADS BATENDO, MATANDOS OS OUTROS PELAS RUAS...
ESSES TIPOS DE PESSOAS PODE SER UM AMIGUINHO SEU PLABOY, SEUS IRMÃOS, PAI, MÃE, OU TIOS.



PARA A MÍDIA SENSACIONALISTA AS COSTAS DOS SKINHEADS SEMPRE FORAM MAIOR PRA LEVAR A CULPA E A PORRADA DA OPRESSÃO DO ESTADO, E COMO SEMPRE FOI ASSIM, A MÍDIA SEMPRE VENDERAM NOTÍCIAS SENCACIONALIASTAS EM CIMA DE NÓS, PORQUE O GRANDE APOIADOR E PÚBLICO, É VOCÊ AÍ ALIENADO DO CARALHO COM ESSA BUNDA SUJA COLADA NO SOFÁ!!
E COMO TODOS OS DESINFORMADOS FALAM..., ELES SKINS QUE SÃO OS NAZIFACISTAS, E NÓS O POVO QUE SOFREMOS AS CONCEQUÊNCIAS.
POIS EU DIGO, ENGANO SEU!!
NÓS TAMBÉM FAZEMOS PARTE DO POVO, NÓS TAMBÉM FAZEMOS E SOMOS A CLASSE OPERÁRIA TRABALHADORA DESSE MUNDO!


video
|| Antifa - Manifesto ||
Devemos mostrar que não estamos mais dispostos a aceitar tudo que nos é imposto por esse sistema.

(ação direta)
Quanto maior o número de pessoas conscientizadas maior será o número de pessoas que estarão conscientizando outras. PENSE NISSO!

Conscientize, manifeste, proteste!!
Devemos mostrar nossa idignação ao conformismo em nossas mentes e corações!!


█████████████████████████████████████████████
Eu acredito que o racismo é apenas uma dentre outras causa que devemos defender.
Me orgulho de ser o que sou, não olhar para trás, esquecer o que passou.

O Futuro?
Não vai dar...Não vou fazer...Não quero ser igual a você......
Não estou preparado pra ser do jeito que você quer que eu seja,
não espera nada, nada de mim.....
Não ponha as suas frustrações em cima de mim!!!!
Me deixe viver!!!!! Me deixe morrer!!!!!
Não vou ser como você nunca, nunca nessa vida, JAMAIS!!!!!!!!


█████████████████████████████████████████████


Texto retirado do SkinZine SHARP - Santa Catarina.

Por várias vezes, nos deparamos nos meios de comunicaçãocom as seguintes manchetes: ‘’Grupo neo-nazista, conhecido como skinheads, agride homossexuais’’, e outras declarações do gênero.
A seguinte questão que aqui tratamos - Skinhead - nada tem haver com a sexualidade dos seres humanos. Tanto que para o skinhead, o que se preza, é recordar de sua origem operária, o som da ilha Jamaica, a causa anti-racista e atualmente anti-fascista.
Dentro destas questões, notamos que o Skinhead é sempre taxado como um movimento homófobico e racista.
Neste texto, abordamos a questão que Skinhead não é nenhum tipo de movimento conservador.
Existem grupos de Skinheads homossexuais. A formação desses grupos não é algo atual, desde a explosão do movimento cultural Skinhead, já existiam Skinheads homossexuais.
Somos a favor da liberdade de cada ser, que cada um faz o que quiser, sendo que respeitem a si mesmo e aos outros também.
Não temos nenhum preconceito contra homossexuais, até porque a cultura Skinhead, não tem como uma de suas características a opção sexual.
Esses grupos, tem variações em seus nomes, o mais famoso é o Fenix(Phoenix), Queer ou Gay Skins. São grupos geralmente apolíticos. Outros grupos de Skins são adeptos a anti-homofobia, como SHARP´s (alguns) e a RASH.
Como exemplo, temos belas bandas de Oi! que abordam este tema. Oi Polloi deu um bico na homofobia com ‘’When two men kiss’’, uma das letras mais clássicas, abordando e enfiando no CU o preconceito contra homossexuais.
Atualmente, outra banda que abordou o termo sobre Skinheads Gays, foi a grandiosa Los Fastidios, com ‘’ Johnny and the Queerbootboys’’, onde fala para os QueerSkinheads se unirem e mostrar que sendo gay ou hetéro, foda-se, você é humano.
Na Rússia, surge RazorBoys, lançando em 2007 sua demo, e numa das suas canções colocou pra foder de vez: ‘’Kick out Homofoby our scene’’.
Esses são alguns exemplos de bandas que abordam o tema, e deixam claro, que nós, Skinheads, nada temos de movimento homófobico.

█████████████████████████████████████████████



A grande marcha está chegando, e não iremos tolerar atos que menosprezam pessoas de "menas cor ou mais cor".
Ao longo tempo as notícias sensacionalistas com o resultado do sistema capitalista e pela realidade das ruas, temos visto só apenas o lado negativo, "jovens" usam visual skinhead e praticam atrocidades sem saber o real do movimento e acaba criando uma imagem suja e realista quee acaba prejudicando a imagem dos demais, que tem um ritmo e idéais seria, limpa e objetiva, que é agir diretamente contra o racismo, xenofobia, homofobia, ou seja lá qualquer outros atos extremistas de opressão.Com um só objetivo que é mostrar para todos que participam do movimento e principalmente para os que não participam, queremos mostrar que todos os seres humanos são iguais, e, como tais, dividir-nos com fronteiras e classificações artificiais como raça, sexualidade e gênero é um engano. Lutamos contra todas as formas de opressão. Com a falta de informação acaba causando um grande globo de mentira e “verdade” do lado negativo, e com isso a maldita imprensa burguesa também difundindo a idéia de que TODO skin é nazista... Como todo grupo, organizações e sociedades etc, existe seu lado positivo e negativo das coisas. Com o passar do tempo ideologia, visual, atividades e manifestações vem crescendo, e muitas se juntando uma a outra e nem por isso o movimento skin se tornou esse lado ganguista que só fazem merda pelas ruas e ferindo pessoas que nada tem a ver. Como muitos nazi-punk’s fascista “ veste-se ” como os anarco-punk's e assim por diante ocorre nos demais estilos e culturas. Se houve alguém que roubou o "jeito de vestir-se" em relação ao visual skinhead foram os neo-nazistas = White Power - Boneheads e não os Trads,Redskins. DEIXAMOS BEM CLARO... NÃO TOLERAMOS NAZI-FASCISTAS!!

Mas de qualquer forma, se muitos de nós ainda existe é para mostrar com zines,manifestos ou em campo de batalha que iremos resistir a todas formas de opressão e questionamentos de idéias que se refere a nós.
• Ao contrário do que à primeira vista possamos pensar, a origem do movimento skinhead é muito diversa e rica e pouco tem a ver com o que se passa hoje em certos lugares...
• O movimento, a cena está relacionada com grupos de jovens que tinham em comum o gosto pela música e as vivências dos subúrbios da Inglaterra, e hoje passado pelas grandes e pequenas cidades de todos os países.
• Essa é a imagem do verdadeiro espírito 69 que muitos de nós ainda tentamos preservar, e levar adiante.

█████████████████████████████████████████████


|| NATIONAL FRONT ||

Hoje achei essa foto de manhazinha na net, eu nem ie postar nesse momento no blogger.
Eu iria assistir um filme.
Mas a foto esta tão clara que resolvi transformar em um post do blogger.
Muitos skins realmente iludidos participaram no começo da dec de 80, e os que entraram hoje são só apenas pessoas ignorantes em busca de poder e obsessão sobre uma bandeira.
Essa imagem é exatemente o que eles são, partido Extrema Direita racista, todos polítivos de paletó. E o mais "engraçado" é que eles só aceitam pessoas para ser membro se fossem de cor branca!
Acho que os skinhead rude boys imigrante da Jamaica não ia se encaixar no padrão visual para eles.

Aí vai uma música para todos vocês, PORCOS NAZI-RACISTAS FDP!

Dead Fish - Sua Bandeira
Te avisaram mas você fingiu não entender,
agora é tarde pra tentar voltar atrás.
A sua bandeira se tornou prisão,
posso sentir o ódio em seu brasão.
Não! Prefiro não!
Quero lutar mas em outra direção.
E se te deram esperança ,
e se tiraram seu emprego,
te pediram pra esquecer.
Você não quis se aprofundar,
o verdadeiro motivo seu orgulho vai esconder.
O grande pai vai te falar,
sobre escórias vindas de outro lugar.
A manipulação
é o maior orgulho mais será em vão.
Pois seu pano limpo
com listras e estrelas
me fez lembrar o Mickey mouse.
Não vou cantar!
Esse hino que você quer me obrigar.
O mundo é um globo como uma nação,
se chama humanidade e parece sofrer em vão.
Sou um cidadão,
quero igualdade e não ser o chefão.


█████████████████████████████████████████████

Se fosse para eu escolher: Esquerda ou direita? A minha opção. Uma vez um amigo me disse: Quando se é jovem universitário a moda é ser da esquerda, fazer greves e algumas outras loucuras, mas quando estivermos mais velhos (chegando a casa dos 30) e inseridos no mercado de trabalho capitalista, só continua de esquerda quem é realmente louco. Pois, vendo a degradação do capitalismo e a crueldade do mundo patrocinado pelas políticas de direita, prefiro mil vezes ser considerado louco.


Se você não for contra agora pode ser tarde de mais. Então ele irá passar por cima da sua cidade, família, amigos sem te dar explicações nem validade por causa da sua grande conquista imperialista. E quando menos você perceber, logo verá que o lugar de comando nunca esteve em suas mãos, e as ordens de quando começar, pausar, e literalmente parar ficou cada vez mais longe de seu alcance. E quando você quer falar algo novamente, eles irão te responder... Você não tem mais moral nem respeito para opinar algo, muito menos dar mais ordens, e logo você verá que sua vida se transformou em um jogo de poder, de quem pode mais. Agora você só é mais um qualquer para eles, que irá se marcado pelo poder e opressão. No final de tudo, você só foi usado como uma cobaia, como se estivesse no lugar de um animal irracional sendo comandando por freios e esporas em seu corpo.


Informação é preciso... chega de deixar "falsos mitos" dominar determinadas culturas!!!

|| FUCK POLITICS!! ||
"O Capitalista faz a Guerra, mas quem Morre é o Povo! - Nem Bu$h nem $addam". "Capitalista faz a Guerra, mas o Povo é que se Ferra!" e "Capitalismo não é de Flores, Paz entre Nós, Guerra aos Senhores!"



Se á algo extremo de direita é certo que haverá de esquerda para combater. AÇÃO E REAÇÃO!

|| juventudeantifascista ||
████████████████████████████████████████
████████████████████████████████████████

Tente viver a cultura skinhead como antigamente se quiser,mas por favor,não se faça de troxa ou de cego perante o fascismo/nazismo,não finja que é tudo bem, tenha o mínimo de vergonha na cara, os mesmos caras que tentam fazer do skin um reduto para as idéias de Hitler há mais de 20 anos tentam assim apagar toda uma cultura que não tem nem nunca teve nada a ver com racismo.Se você não faz nada contra esses caras que destrói uma história, então você é um cuzão e não um skin!

████████████████████████████████████████
████████████████████████████████████████
|| juventudeantifascista ||

Não sou apolítico, mas também não sou Anarco, nem comuna.
Como meu amigo Plebe me disse...
SKINHEAD, é uma obrigação a se opor contra o racismo e o fascismo, e tudo aquilo que diminui a cultura que vc faz parte.
Apesar de eu não ser anarco nem comuna, eu levo comigo a bandeira e idéiasANTI-NAZIFASCISTAS!!



NÃO EXISTE ANTI-NAZIFASCISMO, PASSIVO AO QUE TE OPRIME, OU VOCÊ SE OPÕE A ELE,OU SE TORNA PARTE DA MESMA ESCÓRIA.

Não adiantar você só ter algo, uma ideologia em mente sem agir, só pedir em pensamento não ajuda, as coisas não Andam!!
Não estou falando para você por sair por aí no role, e se você souber que tem alguem com visão contraria a sua, ir la e massacrar o cara de porrada.
Estou falando de não abaixar a cabeça pelas coisas de errado que você sabe que acontece e existe, desistir de suas idéias por medo ou sei la o que é negar o que você é e pelo que você luta, É HORA DE EXPOR SEU ANTI-CONFORMISMO PARA FORA E LUTAR!

Sua tolerância a um regime, onde a essência humana é aviltada, não o torna também o inimigo, aquele a ser varrido de sobre esta terra?
Ignorar o fascismo é se tornar fascista, como as moscas que fazem parte da sujeira.


█████████████████████████████████████████████

"Nenhum dos verdadeiros skins pode ser racista. Sem a cultura jamaicana, os skinheads não existiriam. Foi a cultura deles, misturada com a cultura da classe operaria britânica, que fez do skinhead o que ele é."
(Roddy Moreno, fundador do SHARP na Grã-Bretanha)

"Não basta você pessoalmente ser anti-racista.Você tem que ser afirmativamente anti-racista.Você tem que assumir firmemente uma posição contra o racismo,do contrário, nada vai mudar."
(Jerry Dammers)


"Eu só levo bronca dos dois lados. Alguns skinheads não acreditam que eu seja um deles por causa da minha cor. Aí vem os negros pra cima de mim e falam: você é uma vergonha pra sua raça."
(Darryl, skinhead negro de Bournemouth)

█████████████████████████████████████████████

Alguns videos, para as pessoas que acham que não existem e camuflam o nazifascismo pelo o mundo.

|| Russia Nazi ||

Até onde irá seu nacionalismo EXTREMADO, seguidos de atos racistas, homofóbico, xenófobo e machista como esses ai do vídeo?.

video

video
|| Nazis get shut down in Chicago ARA antifa ||

█████████████████████████████████████████████

É QUESTÃO DE LIBERDADE!

Nem as tretas dos skins 69 por causa de território atrapalhava tanto, quanto apartir de quando o National Front se meteu no meio dos skins.
Já basta todos nós ser chamados de nazi-racistas, e ainda temos que carregar sei lá mais quantas cruzes, sobre “sermos” homofóbicos, xenófobo e machista...
Até quando?!!
E quanto ao meu anti-homofobia...
Eu não acho dois homens se beijando bonito! Nem certo, Nem errado!!
Sou neutro, e respeito o modo de liberdade de cada um deles Homo, como respeitos os Héteros, apartir que eles também me respeitem como um ser humano e minha postura de Hétero.
Concerteza nesse mundo com sistemas capitalista tão desumano, existe coisas muito mais importante do que ficar se importando com opção sexual dos outros.

Comentários como esses que me deixa indignado.
||Fascista disse...||
Sou anti-punk,anti-comunista,e anti-gay mesmo???,qual e o problema???,pelo menos eu não to fazendo mal a nenhuma pessoa,estou apenas tentando tirar alguns vermes da rua que pensa que com marxismo, comunismo, e anarquismo se constroi uma nação...
obs: ESSE COMENTÁRIO, EU NÃO INVENTEI, ELE REALMNTE FOI EESCRITO POR UM FACHO NO BLOGGER DE UM AMIGO.

Essa letra de música encaixa exatamente no perfil de vocês homofóbicos

Letra da música - Oi Polloi - When Two Men Kiss (tradução)

Quando dosi homens se beijam
Andam de mãos dadas
O medo de que você não entende
Explode em violência
Gritos quebram o silêncio
"O cara um viado"
"O cara era bicha"
Desumanizado e viver com medo
Não, você não é burro,
mas diz "Eles são doentes"
Porém a única doença que eu vejo
É o câncer de sua intolerância.


Isso não é uma letra de música incentivando o Homoxessualismo não, É QUESTÃO DE LIBERDADE E DIREITO IGUAIS PARA COM TODOS, E QUE EXISTE COISAS MAIS IMPORTANTE A SE OCUPAR E LUTAR DO QUE SE IMPORTAR COM AS OPÇÃO DOS OUTROS.

Com um monte de pessoas trabalhadoras, pai de família com seus filhos trabalhando ainda com 8,10 anos na rua, pedindo um prato de comida....
E você fascistoide, vem falar que " não estou fazendo mal nenhum " ao espancar um trabalhador imigrante de rua, ou um casal homosexual se beijando.

O QUE TE INCOMODA NAS RUAS REALMENTE...?
Pessoas morrendo com fome por um país cada vez mais capitalista, em que só pessoas no meio político de auto escalão tem direito de ezufluir bons momentos na vida.

Ou alimentar seu ódio próprio xenófobo e homofóbico é mais importante...

Respeito opinião política de cada um, desde que ele começou a crescer como ser humano em uma sociedade.
Eu apenas respeito, isso não quer dizer que eu vá concordar e achar certo ou ser seu amigO.
E o que realmente acredito que seja necessário pra todos, É A LIBERDADE, RESPEITO E ARMONIA ENTRE AS RAÇAS, E SEJA LA QUAL FOREM SUAS ESCOLHAS EM RELAÇÃO A SUA SEXUALIDADE PERANTE O RESPEITO UM COM OUTRO!

E sobre meu anti-xenofobia...
Se trata de: é hora de dar um basta ao conformismo e lutar pelos nossos direitos, direito da classe trabalhadora e cobrar desse governozinho hipócrita o que é nosso por direito!!
Se acha que esta sendo “trapaceado” pelos imigrantes, cobre à quem permite isso acontecer, dar porrada nos cara não resolve nada. Seu governozinho fica camuflando esses acontecimento por ganância, e vocês vão lá e lambem o cu deles, é isso mesmo?!
Faça me um favor!!

---------------------------------------------

E para os que estão achando que eu estou misturando à esquerda e direita sobre a cultuta skinhead...

Aí vai um recado!!

Acredito eu que ser um “patriota” e fazer algo que preste pelo nosso país, ou melhor, pelo POVO, e que ele melhore para com todos, está bem além de ser racista, homofóbico, xenófobo ou machista!!
EXISTEM COISAS E ATITUDES MAIS IMPORTANTE PARA FAZER PELO NOSSO PAÍS, E PELO NOSSO POVO – A CLASSE TRABALHADORA, QUE ESTÁ ALÉM DE DAR PORRADA NA CARA DOS OUTROS...

█████████████████████████████████████████████

Qual será o amanhã de seus filhos,
seus netos e bisnetos?


Nunca vire as costas para seus amigos ou familiares!
E não deixa o sistema fazer isso por você...
(No fundo nós somos todos irmãos e irmãs
que todos sangramos o mesmo sangue vermelho, para mostrar o amor eo respeito dos seus colegas homens, mulheres e animais)

Hey veterano, está satisfeito com a vida?
Você está dormindo no concreto,
você está esquecido e sozinho,pobre, sem teto neste país
Onde estamos, onde estamos agora?
Hey senhor, você já foi tomado após seu primeiro-ministro,
você tem sido aproveitado, você está esquecido,
cansado e pobres, aqueles que você votou a favor
Sim, você está abandonado
Você é apenas um desperdício de seu tempo.
Me desculpe, mas agora você só é uma parte do povo que vive na miséria desse país


Crianças morrem de fome
velhinhos pedem esmolas
tantos jovens sem esperança
porque o futuro é incerto
e o desemprego é geral.
Enquanto isso no planalto
nada falta aos senhores da corte
a não ser honestidade e ordem
e uma lei rigorosa
que puna todos os malfeitores,
independente de classe e cor.

Então...
Onde esta seu GOVERNO...?
Onde esta sua BANDEIRA...?

█████████████████████████████████████████████
NÃO À DESCRIMINAÇÃO RACIAL



É muito triste testemunhar tais injustiças que ocorrem em todo o mundo. Estamos entrando no ano 2010, e infelizmente o que vimos por aí não é a humanidade em evolução, e sim uma estúpida regressão. Vivemos em um sistema de competição ao invés de cooperação. A ignorância está presente por toda parte, pessoas discriminando umas as outras em nome de um racismo imbecil. Muitos de nós ainda lutamos literalmente por essa causa anti-racista e mostrar que somos diferente desses bostas cabeça oca White Power taxados de skinheads, que só sabem queimar a verdadeira cultura skin tradicional 69 sempre existente, procuramos concêntizar as pessoas contra este mal e mostrar que é muito simples vivermos em paz e não em guerra, substituir o ódio pelo amor, acabar com a escravidão e começar a liberdade, eliminar o preconceito e renascer a igualdade.Não aceite tais discriminações! Diga: NÃO AO RACISMO!



Força antifascista... Destrua os neonazistas!!

█ Two Tone Army █
Queremos mostrar que todos que todos seres humanos são iguais, e, como tais, dividir-nos com fronteiras e classificações artificiais como raça, sexualidade e gênero é um engano.

█████████████████████████████████████████████



Racismo É Burrice- Gabriel Pensador

O racismo é burrice mas o mais burro não é o racista
É o que pensa que o racismo não existe
O pior cego é o que não quer ver
E o racismo está dentro de você
Porque o racista na verdade é um tremendo babaca
Que assimila os preconceitos porque tem cabeça fraca
E desde sempre não pára pra pensar
Nos conceitos que a sociedade insiste em lhe ensinar
E de pai pra filho o racismo passa
Em forma de piadas que teriam bem mais graça
Se não fossem o retrato da nossa ignorância
Transmitindo a discriminação desde a infância
E o que as crianças aprendem brincando
É nada mais nada menos do que a estupidez se propagando
Nenhum tipo de racismo - eu digo nenhum tipo de racismo - se justifica
Ninguém explica
Precisamos da lavagem cerebral pra acabar com esse lixo que é uma herança cultural
Todo mundo que é racista não sabe a razão
Então eu digo meu irmão
Seja do povão ou da "elite"
Não participe
Pois como eu já disse racismo é burrice
Como eu já disse racismo é burrice



█████████████████████████████████████████████


Talvez muitos não irão entender o que se passa na real nesses quadrilhos. Um resumo então. Ali esta um skinhead dando seu rolé de boa, e todos que o encontra começa a ofende-lo, chamando de fascistas,nazista e racista.. E logo mais a frente quando ele anda ve um monte de bostas de cabeça oca, fazendo um manifesto, levantando o braço direito e cuspindo palavras e emblemas nazistas, e quando ele chega em casa a unica coisa boa que tem a fazer é escutar um bom reggae e ska, como a sempre foi e existente na tradição da cultura skin. O QUE VOCÊ TIROU DESSES QUADRINHOS? Em poucas palavras. É isso que vem acontecendo pelo mundo. Pessoas não fazem questão de se informar sobre a cultura, mas também não ligam e nem se opõe à atitudes nazista e fascista, como o racismo, homofobia, xenofobia,etc. ISSO TEM QUE ACABAR, AO CONTRARIO, SEMPRE SERÁ ESSE PRECONCEITO E FALSIDADE DENTRO DE NOSSA SUBCULTURA. Colocando esse texto aqui, que encaixa exatamente nesse tipo de tema e imagem.

█████████████████████████████████████████████

video
ALERTA! ALERTA! NAZIFASCISTA
Manifesto anti organização nazifascista.


A luta continua... E o objetivo de sucesso é a AÇÃO!!

Não existe uma "raça" judáica, assim como não existe uma "raça" ariana. Afinal, para que serve o conceito de "raça"? É tudo uma ilusão e uma ignorância. É uma estupidez julgar pessoas com base na genética do corpo. Infelizmente, "raça" e seus "direitos históricos" relacionados e demandas são usados como ferramenta política e fonte de manipulações mentais sobre os desavisados. Existem pessoas que seguem a fé judáica em todos os lugares do mundo. Temos, portanto, os judeus brancos, judeus pretos, judeus espanhois, judeus chinezes, etc. Logo, não existe uma "raça" de judeus, apenas a preservação de certas "tradições" judáicas...

|| Agrotóxicos - Fascistas Fardados ||

De volta ao medo, terror e revolta
A tua presença, a morte nos traz
Segredos, torturas... nomes esquecidos
Queimando arquivos sem lembrança da paz

Fascistas fardados, falsos heróis
Controlam seu medo e tudo ao redor
Fascistas fardados
Ccontrolam seus atos e tudo ao redor

Foram muitas chacinas, centenas de mortos
Crimes horrendos feitos por vocês
Nos aguardem bastardos, fomos vitimados
Estão enganados, chegou nossa vez




ANTIFA!!
ANTIFA!!
ANTIFA!!

SKINHEAD Oi! Oi! Oi!

"Diferenças" e semelhanças: NAZISMO..? FASCISMO..?

Alguns esclarecimento sobre alguns ditadores e seus regimes totalitários, que la pelo meados da dec de 80 se infiltrou na cena skinhead.

NAZISMO - Regime político de caráter autoritário. A essência da ideologia nazista defende o racismo e a superioridade da raça ariana (branca, alemã); nega as instituições da democracia liberal e a revolução socialista; apóia o campesinato e o totalitarismo.

WP ou White Power, mas conhecido como Bonehead para não se chamando de skin, ja que ele não tem nada a ver com a cultura skinhead.
São os neo-nazista que odeiam negros, Judeus, gays, imigrantes, anarquista, punk, rash, sharp,etc. Adotam e carregam nas suas cabeça de merda que além de muitos serem pardo, moreno ou sei la o que, se acham os branquelos melhor do que as outras raças.
Como outros regimes fascistas, o regime nazista punha ênfase no anti-comunismo e no princípio do líder (Führerprinzip). Este é um princípio-chave na ideologia fascista, segundo o qual se considera o líder como a corporização do movimento e da nação. Ao contrário de outras ideologias fascistas, o nazismo era virulentamente racista.

Algumas das manifestações do racismo nazista foram:
Anti-semitismo, que culminou no Holocausto.
Nacionalismo étnico, incluindo a noção dos alemães como o Herrenvolk ("raça-mestra") e o Übermensch ("super-homem")
Uma crença na necessidade de purificar a "raça alemã" através da eugenia, que culminou na eutanásia não-voluntária de pessoas diminuídas

Lembrando antes de mais nada...
A Alemanha não era um país nazista como muitos pensam!
E Adolf Hitle também não era Alemão.
Ele era Austriaco, e com um golpe de inteligência e manipulação conseguiu poder o suficiente para levar todas essas pessoas ao holocausto, pessoas como: negros, eslavos, poloneses, ciganos, homossexuais, deficientes físicos e mentais, e judeus,etc.

Hitler dizia.
"No mundo da arte alemã, trata-se uma luta de morte, e não como uma luta na política deve ser infrentada como a mesma seriedade".
--------------------------------------------------------------------------
FASCISMO - Regime político de caráter autoritário que originalmente é empregado para denominar o regime político implantado pelo italiano Benito Mussolini , no período de 1919 a 1943. Suas principais características são o totalitarismo, que subordina os interesses do indivíduo ao Estado; o nacionalismo, que tem a nação como forma suprema de desenvolvimento; e o corporativismo, em que os sindicatos patronais e trabalhistas são os mediadores das relações entre o capital e o trabalho.

Benedito Mussolini: "Para o fascista, tudo está no estado, e nada de humano nem de espiritual...existe fora do estado".

Durante a segunda guerra mundial, sua aliança com Hitler, decidida no auge das conquistas militares alemãs, permitiu-lhe incorporar territórios da Iugoslávia. Derrotado na Grécia em 1940 e na África em 1941, teve sua liderança repudiada pelo Grande Conselho Fascista em 1943.

Apesar de muitas semelhaças, ainda se pode encontrar algumas diferenças no regime nazista para o fascista.

No nazismo, o Estado existe para a manutenção de uma raça pura e superior ("ariana"), enquanto no fascismo a população existe em função do bom funcionamento do Estado.

Em resumo;Essas ideias totalitarista e repressora. Seja ela do *FASCISMO, *NAZISMO, valendo lembrar que também algumas Comunistas são o mesmo LIXO, e uma das maiores causas divisoras das classes!
Não existe sentimentos por nós, o povo!! apenas interesses materiais!!


Outras formas – Regimes semelhantes surgem em outros países. Na Alemanha (1933-1945), com Hitler , nasce o nazismo ; na Espanha (1939-1975), com o general Francisco Franco , surge o franquismo, e em Portugal (1929-1974), com o então primeiro-ministro António de Oliveira Salazar, desenvolve-se o salazarismo. No Brasil, o fascismo acompanha o Estado Novo (1937-1945).

█████████████████████████████████████████████





ANTI-NAZISMO! ANTI-FASCISMO!


█████████████████████████████████████████████

Diferenças:Patriotismo de Nacionalismo - Menos paixão e mais razão!

A IDEIA DO POST É: Aproximar as ideias de comparações políticas para alcansar uma execução para um bem comum, e também separar a nossa cultura do mal que nos arrasta cada vez mais à uma ideologia fascista. Quebrar o fascismo, sectarismo e o racismo de nossa união!
Buscar a convivência entre o povo Anarquistas, Antifascista e Patriota. Uma luta de união, por um mundo melhor e libertário. Unidos contra todo tipo humilhação ao ser humano.


NÃO PRECISAMOS VIVER UM MUNDO DE COMPETIÇÕES, POVO x POVO. Não lute só por uma bandeira de movimento ou Estado! LUTE POR UM MUNDO MELHOR!
Mesmo sendo por teoria, precisamos mostrar no mínimo a teoria direta.

As diferenças, Patriotismo de Nacionalismo.


|| PATRIOTISMO ||


Patriotismo é quando o amor pelo seu povo vem primeiro.
As massas populares de todos os países amam, profundamente, a sua pátria, mas este amor é natural, real.O patriotismo do povo não é uma idéia mas um fato.
A Pátria, a nacionalidade como individualidade é um fato natural e nacional, fisiológico e histórico sim ultaneamente e, por isso, não é um princípio abstrato e idealizado; não se pode chamar um princípio humano senão àquilo que é universal e, portanto, comum a todos os homens, mas, neste caso, a nacionalidade separa-os: a pátria não é portanto um princípio. O que é princípio é sim, por outro lado, o respeito que cada um deve ter pelos naturais, reais ou sociais; ora a nacionalidade, é um destes fatos, por ser individualidade e nós devemos respeitá-la.

O patriotismo é a permanencia de um amor fiel e constante, nas horas de glórias e humilhação, amor sem invejas, nem rivaldiades. O patriota sabe que existe outras pátrias maiores, mais poderosas, com maior riqueza de criações artísticas ou científicas. Isto, longe de despertar nele o ressentimento.
O sentimento patriota Não devem ser confundidos ou reduzidos à estupidez criminosas de grupelhos de babacas delinquentes, racistas, fascistas ou neo-nazistas. O Patriotismo inclui propostas que vão muito além desse cocô sociopata que se esconde debaixo de uma bandeira para dar vazão à sua raiva e desejo de violência.

Lembrando uma citação: Mahatma Gandhi
"O meu patriotismo não é exclusivo. Engloba tudo. Eu repuduaria o patriotismo que procurasse apoio na miséria ou na exploração de outras nações. O patriotismo que eu concebo não vale nada se não se conciliar sempre, sem exceçõe, com o maior bem e a paz de toda a humanidade"

|| NACIONALISMO ||


O nacionalismo é quando o ódio vem misturado junto de um sentimento político.
No nacionalismo, existe um tipo de "patriotismo" político o amor ao Estado, não é a expressão concreta e adequada deste fato, como o patrotismo real do povo, mas a sua expressão desnaturada por intermédio de uma abstração da qual é de desconfiar e sempre em proveito de uma minoria exploradora.
O nacionalismo defende o Estado porque ele é é a abstração, a ficção metafísica, jurídica, mística e política da Pátria.

O nacionalismo constitui-se como uma forma de consciência de grupo, de pertencimento ou de ligação a uma nação; como ideologias baseadas na valorização da nação-Estado como forma ideal de organização política; como “ideologia que justifica a nação-Estado.
Doutrina que reivindica para a nação o direito de praticar uma política ditada unicamente pelos seus interesses, opondo-se a qualquer associação suscetível de limitar-lhe a liberdade de ação.
Movimento social de indivíduos que tomam consciência de formar uma comunidade em virtude dos elos étnicos, linguísticos, culturais etc., que os unem.
O nacionalismo é uma arma e uma política empregadas pelas classes exploradoras, que o cultivam em benefício de seus interesses mercenários. A ideologia do nacionalismo se baseia na deturpação premeditada da história e dos fatos históricos, em afirmações falsas acerca da história em geral, no que diz respeito ás relações nacionais e à inimizade entre as nações. A ideologia do nacionalismo também se baseia na falsificação do próprio conceito de nação, considerada uma comunidade "natural" e um produto de fatores biológicos ou um fruto do "espírito nacional" eterno. O nacionalismo detende a teoria anti-humanista misantrópica das nações "eleitas", destinadas a dominar as chamadas nações "inferiores".

A política do nacionalismo é uma política de escravização de certas nações por outras, de subjugação das pequenas nações, de exploração e opressão dos povos coloniais e semi-coloniais. A política do nacionalismo tem como objetivo estabelecer a desunião entre os trabalhadores, dividi-los e lançá-los uns contra os outros, desviando sua atenção e suas forças da luta pela democracia e pelo socialismo.
Os capitalistas de todas as nações e de todas as religiões estão unidos contra os trabalhadores, mas procuram dividir e enfraquecer os trabalhadores, disseminando entre eles a inimizade nacional!
O nacionalismo é o mais perigoso inimigo do movimento da classe operária, do movimento pela emancipação do proletariado. Destilando na consciência dos trabalhadores o veneno do nacionalismo, as classes exploradoras procuram fazer com que os operários e todos os demais trabalhadores se tornem incapazes de lutar em defesa de seus interesses de classe, procuram desarmá-los ideologicamente, a fim de fortalecer seu próprio domínio.

|| Definições do nacionalismo ||
Nacionalismo é o sentimento de considerar a nação a que se pertence, por uma razão ou por outra, melhor do que as demais nações e, portanto, com mais direitos, sendo manifestações extremadas desse sentimento a xenofobia, o racismo e a arrogância imperial.

█████████████████████████████████████████████
'O verdadeiro crescimento de uma nação, não seria primeiramente a evolução "espíritual" de nosso povo?


Será que a educação é a solução para um país melhor? "claro que não", porque, o que o país precisa pra ser melhor, não é só educação. O que mais vemos aí, são pessoas intelectuais, culta e com vocabulário rebuscado, fazendo o que; roubando, trapasseando, estuprando, traficando, até mesmo matando. E essas pessoas como atingiram seu objetivo profissional na vida, elas são colocadas como um pedestal, como objetivo de vida para outras. Por isso que o nosso país esta desse jeito.
O que realmente nós precisamos para um mundo melhor, não é ensinado nas escolas. O que precisamos para um País melhor, é: caráter, dignididade, honestidade, moral, amar ao proximo, ser mais caridoso, ser menos egoista, menos materialista, prara de ser hioporcrita e sempre praticar o bem!
Sócrates já dizia; A sabedoria começa quando a ignorância termina.

Ao longos desses anos, chegamos a conclusão que; Apesar de nós, o povo, que colocamos todos eles no poder. O Estado não te quer acompanhando as ações deles, nem seus desempenhos, não nos quer estudando as "armas" poderosas, do que é ser um Povo conscientizado, filtrando, peneirando o universo indesejável que eles nos fornece, para colocarmos todos eles contra a parede. A "principal" fonde de estudos que ele, o Estado, nos oferece, também esta sendo oferecida de uma forma totalmente limitada; Um ser humano sem bons princípios, sem sentimentos, crianças crescendo e se desenvolvento facilmente para serem abaladas, distorcida e enganadas. Todos crescido como "homens e mulheres" acorrentados pelo sistema.

█████████████████████████████████████████████
|| O Estado, marionete do concentrador de rendas ||

O Estado é uma Doutrina, o maior "objeto" de trabalho manuseado pela política.



Função do Estado: Limitar a vida do povo.
Dessa forma, pode-se dizer que o Estado exerce um poder soberano, limitado pelas regras de Direito, que visa o bem comum de um aglomerado de pessoas, que deveria ser povo, que habita num determinado território. Porém, esse bem comum vem sendo roubando por longos anos pelo políticos.

O estado é um poder que "controlado" pra administrar uma nação;
Um Estado soberano é sintetizado pela máxima "Um governo, um povo, um território".
O Estado é responsável pela organização e pelo controle social, que na maioria das vezes esse controle só existe quando se trata da força policial ou militar. Já o controle público, para manter uma boa qualidade de ensino nas escolas, manuteção nas ruas e hospitais, esses sempre estão em falta.
O Estado é uma comunidade humana;
Os elementos essenciais do Estado são três: o povo, o território e o poder político;
Os fins do Estado são também três: a segurança, a justiça e o bem-estar da sociedade, (( pena que os políticos roubam a maioria desse bem estar todos para eles.))
O papel dos Estados modernos é determinado ou relacionadas ao seu papel nas sociedades capitalistas.

O poder executivo do Estado moderno não é senão um comitê para gerir os assuntos comuns da toda burguesia ". Nesta tradição, Ralph Miliband argumentou que a classe dominante usa o Estado como seu instrumento para dominar a sociedade em uma maneira simples. Para Miliband, o Estado é dominado por uma elite que provém do mesmo pano de fundo da classe capitalista e, portanto, partilha muitos dos mesmos objetivos. Membros funcionários partilham os mesmos interesses, portanto, como os proprietários do capital e estão ligados a eles através de um vasto conjunto de laços interpessoais e político. Em muitas maneiras, essa teoria pode ser semelhante à teoria do "poder da elite" de C. Wright Mills.
"O poder executivo do Estado moderno não é senão um comitê para gerir os assuntos comuns de toda a burguesia"


█████████████████████████████████████████████
Morra por seu governo

Não deixem suas vidas sendo usada como manutençao desse estado da sociedade.

||Agrotóxico - O Povo Contra o Estado||

Explode a revolta de um povo
Marcado por história de terror social
Gente sem heróis, sem pátria ou nação
Não existe futuro, só revolução

Agora mais nada é importante
O discurso do Estado não tem valor
Suas regras e leis esquecidas
Na periferia um grito de dor

Epidemia do caos se espalhou
Guerrilhas urbanas controlam o Brasil
Crianças ingênuas não usam brinquedos
Apenas caminham com armas nas mãos


█████████████████████████████████████████████



O Brasil, falsas leis, falsa democracia. Legítimada pela ignorância da maioria que tira seus exemplos da novela, mas não tem negros nem tem pobres ali dentro da tela. Só romance e alegria. Não é esse o país que vejo todo dia.

Eu acredito, e luto da minha forma por um mundo melhor, mas... Eu teria mais fé no futuro, se essa "indignação" que os sociopatas dizem ter, fosse usada para investir na saúde pública de melhor qualidade entre outros benefícios de vida para o povo.

LEMBREM-SE!
“as idéias dominantes são sempre as idéias das classes dominantes”, e no nosso contexto, refletir sobre essa questão torna-se essencial para se pensar as relações de poder e dominação.

█████████████████████████████████████████

segunda-feira, 23 de abril de 2012

Punk e Skins, até quando iremos calar à essa união?

Enquanto vocês camararas, PUNKS e SKINS colocarem em 1º lugar sua rixinhas sujas e mediocres, NADA IRÁ MUDAR, E NUNCA EXISTIRÁ AO NOSSO LADO UMA CENA DE VERDADE!!


''Se você não é homem suficente para se levantar e defender suas raízes, talvez está na hora de deixar seu cabelo crescer e pendurar seus boots.''

Reconheço que tem pessoas que realmente fariam algo pela cena, pela sua, nossa cena SKINHEADS DE VERDADE E ANTI-NAZIFASCISTAS. Esta na hora de colocar para fora seu espírito de anti-conformismo e ir a LUTA!!

Tantas leituras,rolês e ideias...EU SÓ ENXERGO UM GRANDE AR EM MASSA DE CONFORMISMO.
Está na hora de sair de cima de muro e lutar pelo o que você diz ser e acreditar!!

█████████████████████████████████████████████

Não SEJA MAIS UM SECTÁRIOZINHO DE MERDA ESPALHANDO E COLABORANDO COM AIGNORÂNCIA!

Para as pessoas que saem por ai falando besteira, e que skin são todos iguais, e que street Punk Oi! é som de fascistas só porque tem um cara de cabeça raspada na banda.
INFORME-SE!!

Sabemos que tem alguns grugos, gangues, movimento ou "cena" que defendem o RAC (já que são anticomunistas): "Rock Contra o Comunismo!". Vale citar também algumas bandas e músicas que nos chamam a atenção:
"Ataque 32 - Fora punk's" (conhecida banda CB de tendência fascista, o Ataque 32 são contrários à união de punks e skins, ou seja, são contrários ao Oi!).
"Comando Blindado - Judeu bom é judeu morto!" (anti-semitismo explícito, posto que não se referem aqui à ideologia racista de Israel, o sionismo, mas à etnia judaica."Volta à CCC!" (CCC = Comando de Caça aos Comunistas, orgão oficial de repressão da ditadura militar contra a militância de esquerda).
Entrevista dada ao "Skinhead Crew" a notória banda careca "Ataque 64" (clara apologia ao golpe militar de 64), afirmou com toda a sobriedade que duas das bandas que mais adora e que o influenciou musicalmente foram o Condemned 84 e a banda Skrewdriver .


A única diferença de pessoas fascistas, grupelhos facho ou "skins" FASCISTAS com os White Power's (nazistas) é na questão racial, mas o resto é a mesma coisa: homofobia, nacionalismo, defesa dos valores cristãos, defesa de um estado fascista, repressão aos movimentos sociais, defesa da ditadura militar e do CCC (Comando de Caça aos Comunistas), perseguição a punks, comunistas e anarquistas etc.

Ou seja: CONSERVADORISMO DE DIREITA EM NOSSA CULTURA PREJUDICA MUITO A CENA SKINHEAD EM GERAL!

NÃO CONFUNDA RAC = A SOM DE FACHO, COM música Oi, união entre punks e skins anti-nazifascista,OK?!

É preciso da CONSCIENTIZAÇÃO, é preciso combater e debater com aqueles que fingem não enxergar o que se passa a sua volta.


SKINHEADS...LEMBRE-SE DA SUA ESSÊNCIA!!!!!

█████████████████████████████████████████████

||Oi! Oi! Oi!||

STREET PUNK OI! = União da classe trabalhadora


Como a formação do próprio nome diz, o street punk é na essência o punk rock das ruas, ou seja, aquele punk rock livre dos modismos que dominaram boa parte das bandas punks no final da década de 70, atraídas pela possibilidade de fama e fortuna, principalmente em mercados com o dos EUA.

Enquanto bandas como Sex Pistols, Generation X e Buzzcocks se popularizavam, viravam a coqueluxe e começavam a se transformar em produtos nas mãos de empresários gananciosos, nascia nos extremos de Londresum novo levante que pretendia fazer com que o som feito pelos punks fosse realmente a "voz das ruas", daí o nome street punk, que era a denominação do punk "raíz", um punk mais arruaceiro, típico dos pubs ingleses.
Bandas tipicamente punks como o UK Subs, Slaughter & The Dogs, Anti Nowhere League, 999, The Crack, Lurkers, Vice Squad e até mesmo (e principalmente) The Exploited, faziam a trilha sonora deste som das ruas, que logo sofreria algumas influências, se consolidando como street punk.
Entre 1978 e 1979, era chegada então a hora e a vez da safra de ouro do street punk, ou seja, a época do nascimento, ou mesmo aparecimento, de bandas como Cockney Rejects, Sham 69, Cock Sparrer, Peter & The Test Tube Babies, Menace, Angelic Upstarts, 4 Skins, The Business, Last Resort, Blitz, Infa Riot, Red Alert, Partisans, entre outras.

Com o tempo, o street punk também passou a ser chamado de Oi!, por causa de uma música do Cockney Rejects, "Oi! Oi! Oi!", de 1980. Cockney Rejects? Será que vocês já ouviram falar dessa banda? Provavelmente sim, mas muito provavelmente não! Veja mais adiante um pouco da história da banda.
O street punk tradicional é apolítico, como deveria ser toda a cena punk. Nem esquerda nem direita. O street punk é um estilo de vida, é algo de muito real pois lida com o dia-a-dia, tem a ver com as ruas, com o trampo, camaradagem, união, estar alerta para o que nos rodeia e “odiar política”. Mas isso tudo hoje nada tem a ver. Uma pessoa comum pode muito bem curtir street punk somente pelo som e pela energia dos shows, que no caso das bandas de street punk, são sempre muito alucinantes e agitados!

A palavra "hooligan" esteve sempre associada ao street punk inglês, mais de certa maneira foi deturpada. Hooligan seria simplesmente um "arrruaceiro". Eram os mods, hard-mods, suedeheads, bootboys, skinheads ou mais abrangentemente: os malucos e gangues da rua. Estes hooligans tinham o culto da rua, do futebol, dos copos. Mas não procuravam desesperadamente a violência, simplesmente não a evitavam.
Parece que hoje em dia para um hooligan tem que obrigatoriamente haver sangue. Já haviam hooligans antes de se infiltrarem no futebol, inclusive bandas de ska jamaicanas tinham letras sobre os chamados "arruaceiros". No caso da Jamaica eram os rude boys que entravam em conflitos com a polícia.
O street punk também foi muito associado aos skinheads e isso resultou numa salada musical e ideológica realmente infernal. Voltando um pouco na história, no final de 77, começo de 78, temos um racha no punk, semelhante ao que houve no mod nos anos 60: parte do movimento segue um direcionamento mais "artístico" (originando o pós-punk, new wave, gótico, etc), e outros pegam mais o lado agressivo, rueiro e suburbano (o "street punk", mais tarde apelidado de "Oi!"). Essa leva de punks mais "crus", têm como guia o Sham 69. Jimmy Pursey, vocal do Sham, era skin no começo dos anos 70, e a banda tinha um grande público skinhead. Desta forma, começa a se multiplicar uma nova geração de skins, influenciados pelo punk e ouvinte de punk rock, com um visual menos bem arrumado do que os skins originais. Os skins "tradicionais" diziam que estes eram apenas "punks carecas", pois não tinham noção alguma sobre as tradições do skinhead.
De um outro lado, nascia na Inglaterra o "skinhead nazista", tão conhecido pelo mundo todo. No entanto, a maioria dos skins continuava sem um direcionamento político definido, longe dos fascistas. Sabe-se que nesta mesma época (1979), havia uma turma de skins em Londres chamada "S.A.N."- "Skinheads Against Nazis", que queria eliminar a influência dos neo-nazistas. Bandas de punk rock com membros skins, como os Angelic Upstarts, eram assumidamente esquerdistas e se opunham ao National Front (Partido Nacionalista Inglês) com veemência!
Mas como é de costume, a mídia sensacionalista começava a chamar todo skinhead de nazista, e o que é pior, todo jovem nazi de "skinhead". Com isso, a extrema direita só conseguiu novos adeptos e os skins "white power" (poder branco) aumentam em tamanho e importância. Mas mesmo assim estavam longe de ser maioria. Em 1980, o punk estava em baixa, tendo sido transformado em new wave e vendido em butiques. Mas nos subterrâneos, muitas bandas de "punk real" estavam na luta. A maioria delas era influenciada pelo Sham 69 e outras bandas street, faltando apenas um nome para uní-las.
Eis que o jornalista Garry Bushell, chama este novo movimento de "Oi!", por causa da música dos Cockney Rejects "Oi! Oi! Oi!". O Oi! tinha como ideal ser uma revitalização do punk agressivo, realista, das ruas, sem a comercialização e a suavização da new wave. Era a música que segundo Bushell, unia "punks, skins e toda a juventude sem futuro". Logo organizaram a primeira coletânea Oi!, com os Cockney Rejects, 4 Skins, Angelic Upstarts, Peter & the test Tube Babies, Exploited e outras bandas, formadas por punks, skins e "normais".

Foram feitas várias outras coletâneas Oi! a partir daí, e muitas bandas apareceram. Então, apesar de no Brasil as pessoas pensarem que Oi é "som de careca", ou que bandas Oi devem ser de direita, isto não passa de preconceito. O Oi! nada mais é do que um estilo de punk rock de volta às raízes, mais ligado à rua, ao realismo social. Nada a ver com à extrema direita. A maior prova disso é a adesão original de bandas como os UK. Subs ao Oi!, e o fato do The Business (uma das maiores bandas Oi), tocar um cover do Crass, banda ícone dos anarcopunks, eternos rivais dos skins fascistas!

Enfim, a grande maioria das bandas ou era de esquerda ou era apolítica. Entre as bandas Oi originais, não havia nenhuma que fosse nazi.

Algumas bandas pioneiras no Street Punk Oi!

CAMARADA - Glória das Ruas
Glória das Ruas


Nas ruas da minha cidade eu vejo sangue e morte
O corpo já cansado das batalhas e a mente forte
Mas o inimigo não dorme,e a guerra esta por vir
O campo de batalha me chama e eu não vou desistir

Pela glória das ruas
Punks e Skins,Oi!

Nas guerras que já venci o final eu sei de có
Os fracos caem de joelhos e que vença o melhor
Aos que querem nos dominar não teremos piedade
Debaixo de nossas botas a mais pura crueldade

Pela glória das ruas
Punks e Skins,Oi!

Nesta luta poucos se atrevem a perder sua vida
Se a morte vim,será doce,honrosa minha partida
Enquanto ela não vem para mim,a sua vem com dor
Na hora da sua desgraça nos seus olhos verei pavor

Pela glória das ruas
Punks e Skins,Oi!

Punks e Skins,como soldados unidos marcharão
Aos que foram aquilo fadados,a vitória terão
Com moicanos ou não,seguiremos nossa peleja
Desejando a cabeça dos inimigos numa bandeja

Pela glória das ruas
Punks e Skins,Oi!




█████████████████████████████████████████████



A origem do movimento Oi! e o significado do termo ( Oi! Oi! Oi! )
(movimento que prega a união de punks e skinheads antifascistas)
O Oi! foi um movimento autêntico som de rua em seu melhor momento. Era, quiçá, a primeira vez em que os caras do palco pertenciam à mesma turma do pessoal da pista de dança. Antes da gig, as bandas bebiam no mesmo bar e jogavam uma sinuquinha com seus próprios fãs e colegas. Era como que um povoado por gente igual a qualquer, que se cruzava na esquina. Muitos poderiam feito fortunas, como fofoqueiros ou comerciantes, e alguns fizeram mesmo.
Antes do Southall, o Oi! tinha tudo para se firmar e dar certo. O nome desse gênero musical tinha sido tomado duma música dos Cockney Rejects ( Oi! Oi! Oi! ) e se devia à insistência do vocalista Stinky Turne em repetir esse grito em vez do costumeiros "Um, Dois Três..." no ínicio de cada canção. Acabou virando um grito de guerra para as novas bandas punks rueiras que vieram na trilha da Sham e seus amigos Rejects e Uppstarts.
Bandas como Sex Pistols, podem ter sido relevante ao seu papael histórico, mas se o som punk abriu algumas portas para qualquer garoto que estivesse uma guitarra e alguma pose, o Oi! veio para arrancar essas porta de sua dobradiças.
O cara que deu o nome de Oi! ao movimento foi o ex-empresário musical Sounds, Garry Bashell. Ele tinha se calejado participando de vários fanzines punks, inclusive o quase célebre Napalm, e se destacou como uns dos poucos jornalistas com sensibilidade e interesse pelo que rolava nas ruas em matéria de música. Quando outros críticos resolveram ir com o milho, ele já voltava com a pipoca.
Segundo o Brennan & Pryor, respectivamente baixista Business e do dono da link Record, o movimento era para ser chamado re Real Punk, por oposição ao diluído e falso punk da new wave, que sucedeu a primeira leva das bandas ( liderada pelos Pistols e revitalizada pela Sham 69). O nome fazia sentido, por causa da segunda relação liderada pelo Exploited, que proclamava "Punk's Not Dead!". Mas era um nome postiço, e a canção dos Rejects tinha um grito mais forte e expressivo, que pegou. ( Oi! Oi! Oi! )
O Oi! É a voz de todos os moleques de rua em toda parte, espécie de linguagem universal.



█████████████████████████████████████████████

TEORIA Anarquia.

Anarquia não é só ter "atitude", ir lá e colocar para quebrar como muitos pensam.
Anarquia também é agir com um pouco de lucides, e antes de você querer "mudar o mundo" é se dar conta que também é parte dele.
Você não pode obeservá-lo do lado de fora.
Não deixe pensamentos como dos ignorantese e pelos adversários interessados em distorcer a verdade, parecerem verdadeiros... que dizer que Anarquia é usada universalmente para designar desordem e confusão.
A interpretação usual da palavra não exprime o verdadeiro significado etimológico, mas deriva dele.

Concerteza é muito mais do que falar fodasse a política, fodasse o estado, fodasse a polícia e fodassee os skins, como muitos anarcos sectários dizem.
E concerteza também é algo mais impornte do que fazer o símpolo ( A ) Anarquia e sair pixando as ruas, e quebrando as lixeiras, como muitos fazem.

O sentido da ANARQUIA é a proliferação do respeito ao povo, rebeldia, contestação onde os caminhos para um convivio social onde impere a justica, a liberdade e a paz!

A teoria é ótima, mais enquanto o Estado nos oferecer esses métodos de merda em relação a da um bom conhecimento de estudos que levem o ( POVO ) a crescer como ser humano e faze-los RECONHECEREM DE VERDADE O QUE É O MELHOR E MAIS IGUAL PARA TODOS, NADA DISSO FARÁ MUITO SENTIDO.
Ao invés de ter mais uma ideologia que possa levar ao povo à algum fundamento positivo, muitas das vezes acaba se tornando mais uma ideologia fascista, porém de esquerda!


Não é impor nada a ninguem, só porque ela é "diferente" de você, e apesar de ter os mesmo objetivos e finalidades, muitas pessoas involvidas da cena punk e skin se oculta junto com seu estilo e pensamentos e muita vezes oprime a outra pessoa, pelo estilo ou por alguns momentos dificeis de sua cultura ou subcultura que a pessoa apoia esta passando.

E UMA CRÍTICA AOS PENSAMENTOS ANARQUISTA DE MUITOS... COLOCO ESSA LETRA DE UMA BANDA QUE SABE MUITO BEM O QUE ESTA ESCREVENDO.
Dead Fish- Anarquia Corporation
Anarquia corporation industria e comércio
Acho que já sei o que você quer,
Mais uma regra pra seguir, Constituição anárquica
feita pra outra minoria dominar
não há mudança só alternância de poder
discriminado hoje descriminador amanhã
mudança onde? aonde cidadão
Anarquia coorporation, não me diga o que falar
Se for assim é melhor esquecer
pensar direito no que venha a ser este ideal
Fascismo e violência travestidos com o A
Nada de amizade, consciência e educação
Não dá pra compreender, nem me entender
Então usarei a mesma formula pra viver
Não quero olhar pro lado, não quero nem te ver
Compartilhar pra que? Eu sou eu, sou eu
Milhares de teorias, milhões de ideologias
todas parecem sempre cair no mesmo lugar
Anarquia coorporation, por favor, não me diga o que usar
Fascismo e violência travestidos com o A
Será que o Freire vai entender
ou sua proposta distorcer?
Onde está o pensamento de paz e União?
E sobre a revolução?
Anarquia corporation.... Anarquia corporation....
Não me diga o que Falar
Anarquia corporation.... Anarquia corporation....
Não me diga o que usar



PARA OS SECTÁRIOS ESSA FRASE VAI DIRETAMENTE PARA VOCÊS!!

Fascismo e violência travestidos com o A

_|_

█████████████████████████████████████████████

Execradores - Por que morrer?

Ganguismo por todos os lados , regionalismo idiota...
O anarquismo deturpado só vejo gente morta, o sistema é o culpado...
Policia de tocaia...
Somos todos fardados pela ordem do estado...
Porque morrer porque morrer, lute e sobreviva...
Jovens contra Jovens o estado a sorrir , brigas no movimento não sabemos como agir , liberte-se da sua gangue faça ação a luta é contra o estado e não contra os seus irmãos...
Porque morrer porque morrer."


█████████████████████████████████████████████